terça-feira, 24 de janeiro de 2017

2017, um desejo de tantos

Estamos em 2017, quase final de Janeiro e
Vivos, acredite. Vivos sim, pela graça do Pai Celestial.
E a atitude adotar é de agradecimento, só agradecer pelo que somos.
Neste ano, novinho em folha, desejo muita coisa e quero manifestar  alguns deles:
Paz no mundo. Parece difícil desejar a paz mundial, mas devemos imaginá-la e evocar o
Seu acontecimento.
Gostaria muito de fotografar o encontro de todos os líderes em prol da paz.
Também desejo o fim da fome no planeta,
Imagino que isso possa ser possível, a partir do amor pela paz.
Quero a cura do câncer;  quero a cura da aids, das doenças transmitidas por mosquitos,
Quero ver os povos sadios, vivendo em harmonia por um bem maior.
Desejo ver o fim da ambição desmedida; dos crimes; das injustiças sociais;
Desejo o fim do ódio, do preconceito, das castas e do pré julgamento que todos fazemosuns dos outros.
Quero amar as pessoas sejam quem forem; abençoar as criancinhas e seguir sem medo de nada.
E como tudo isso é possível?
Acho que tem que ser por mim, me desarmando, evocando o amor de Deus, não julgando,
Não perdendo a fé em Jesus Cristo e caminhando em retidão, perseverando na fé e perscrutando os mistérios da criação. E, os outros também descobrindo a força da fé.
Fazer uma foto da fé e da esperança e seguir em frente.
Obrigado, Pai, por pensar nas coisas do alto.
Deus nos abençoe para sempre, amém.

 
Postar um comentário