sexta-feira, 28 de agosto de 2009

dia

é noite profunda
___________silêncio
só flashes lampejantes
___________alumbram
não há gestos
__________nem acenos.

é manhã brumosa
__________cantante
orvalho que escorre
________pela rotunda
não há restos
_________nem desejos.

é tarde cálida
_________ruidosa
bocas inundadas
_________de palavras
não há maestros
_________nem solfejos.
Postar um comentário